[Cobertura] Este foi o Internacional Pokémon da América Latina

E aí mestres!

Esse é um post feito para você sobre o gigantesco evento de Pokemon, com mais de mil players, em São Paulo!

TCG01

Muitas crianças compram Pokemon Trading Card Game para colecionar como se fossem figurinhas. Segundo dados da Pokemon Company (empresa responsável pela marca, mais de 10 bilhões de cartas já foram vendidas no mundo inteiro… bastante né? Porém, Pokemon TCG é um jogo de estratégia, acima de tudo.

Pessoas em sua maioria de 18 a 30 anos, optam por jogar o “competitivo”, batalhar entre si e, por incrível que pareça, existem grandes premiações para os melhores players do mundo. No Internacional que ocorreu em SP esta semana, foram players de mais de 20 países. Agora você está começando a levar a coisa a sério 🙂

Além do Pokemon TCG, existe também o Pokemon VGC (Video Game Championship); este é mais fácil de conhecer. Se trata de todos os jogos de Pokemon lançados para videogames e, da mesma forma como as cartas, as pessoas jogam para se divertir, mas existe também o competitivo, onde os players batalham entre si na última versão do jogo: Pokemon Sun e Moon.

TCG02

O Internacional da América Latina de Pokemon englobou esses dois grandes eventos e já dá para perceber que eu, um amante destes jogos desde o Game Boy, iria me sentir cobrindo o evento como parte da imprensa e jogando com players mundiais. Realmente foi uma experiência única que quero transmitir a vocês!

Quinta-feira – Chegamos às 14h30 da tarde em SP, mas por conta do trânsito caótico demoramos para chegar ao local marcado, já que a única coisa que teria no evento era o “check-in” obrigatório. Ele é feito para os players confirmarem sua inscrição e receberem seu kit de player, que nesse ano contava com:

– 2 pacotes de sleeves (shields);
– um pin especial do IC do Raichu;
– um playmat (o ‘tapete’ para colocar as cartas em cima e jogar) especial do campeonato;
– 2 cartas de energia incolor dupla com a logo do IC.

TCG04

Sexta-feira – Chegando no WTC após o café da manhã e muitos players já trocavam cartas, preenchiam decklists, todos ansiosos para entrar no local do torneio. E nós do AN, conseguimos entrar um pouco antes naquele imenso ginásio, quase sem ninguém. E quando entramos, aquele nó na garganta. Tudo arrumado impecavelmente, luzes, ilustrações, palco. A abertura foi emocionante com a música tema de Pokemon e o acompanhamento da percussão dos Meninos do Morumbi, para dar aquele toque de Brasil. Genial!

Conversamos para o presidente da Copag – a empresa responsável por Pokemon TCG no Brasil. Falamos rapidamente com o “poketuber” mais famoso do Brasil: TiuSam; com o argentino Ponce e já era hora de jogar! Um campeonato de TCG é constituído da seguinte forma: cada player jogará 9 partidas, cada uma melhor de 3, sendo que cada partida tem duração de 50 minutos cada. Ou seja, com uma simples conta, dá pra perceber que se não atrasasse e tudo mais, sairíamos dali bem tarde.

Mas atrasou. O sistema de pareamento (é o sistema que cria as partidas) deu problema e ficamos um bom tempo esperando. Pelo menos esse foi o único problema que notamos em todo evento. A primeira partida foi puro nervosismo. Primeira vez em um campeonato de Pokemon TCG, primeira vez no Internacional e primeira vez jogando no competitivo. Alguém pode perguntar: “Mas não tem criança ou gente de idade jogando?” SIM!

TCG03

Existem três categorias tanto no Pokemon TCG quanto no VGC: Junior, Master e Senior, cada um variando com a faixa etária dos participantes. A cada vitória ou derrota, eu ficava cada vez mais empolgado de estar lá e de certa forma chateado porque muitos players não puderam ir. Minha vontade era chegar em Jundiaí (minha terra natal) e ensinar todo mundo a jogar Pokemon TCG. No final do dia, cansados mas contentes, meu ranking ficou em 3 vitórias, 6 derrotas e nenhum empate.

Não foi um resultado grandioso, mas na minha análise, para um primeiro torneio e com tantos players bons e de vários países, foi um resultado bem aceitável. Afinal, estava lá pela diversão. Por falar nisso, conhecemos várias figuras! Players de toda parte do Brasil que em 50 minutos de partida parece que você conhece a pessoa inteira.

É incrível como o TCG é um hobby que une as pessoas. Entre uma nova amizade e outra, o tempo foi passando, o céu escurecendo, e quando vi, já eram mais de 22h! Terminei a última partida e fomos embora ainda em êxtase de tudo que pudemos vivenciar e conhecer nesse dia memorável. Amanhã tem a segunda parte! 😉

TCG05

About the Author

Rafael André Finati

Viciado em Cavaleiros do Zodíaco, Breaking Bad, Helloween e Action Figures. Gosta de coisas velhas e de assistir Caçadores de Relíquias.

Deixe uma resposta