[Review] The Winery Dogs e seu ‘Dog Years Live in Santiago’

Hey Ya!

Hoje falaremos sobre o segundo lançamento ao vivo da banda The Winery Dogs.

winery01

A banda registrou sua passagem pelo Chile, dias após ter se apresentado em São Paulo, que teve cobertura do Action Nerds. O show é praticamente o mesmo apresentado aqui, onde tivemos uma música a mais: You Can’t Save Me. A apresentação mostra toda a energia da plateia sul-americana e temos uma banda empolgada, mostrando toda a sua técnica, melodia e simpatia.

A banda apresenta músicas de seus dois álbuns em um show de pura energia com as músicas Oblivion, Caption Love, Hot Streak, Empire I’m No Angel, Elevate, Desire, Time Machine, entre outras. Ainda temos solo de bateria de Mike Portnoy e o solo de baixo de Billy Sheehan.

winery02De bônus, temos todos os videoclipes lançado pela banda: Elevate, Desire, Time Machine, I’m No Angel, Oblivion, Caption Love, Hot Streak e Fire. Adquiri a versão especial do lançamento e no pacote vem acompanhado de um blu-ray, DVD, 2 CDs ao vivo e um EP, em uma embalagem bem bonita.

O EP possui músicas bônus, com a já conhecida pelos fãs Criminal, as inéditas Love Is Alive, The Game e Solid Ground, e ainda o cover de David Bowie, Moonage Daydream, que a banda tinha registrado nas gravações do segundo álbum. The Winery Dogs liberou no dia da morte do cantor, mas somente agora está disponível em um lançamento oficial.

Este lançamento até o momento está disponível somente em versão importada, e pelas entrevistas talvez seja o último lançamento do trio, pois Richie Kotzen voltou 100% para sua carreira solo, Billy Sheeahan voltou a fazer shows com o Mr.Big, e recentemente Mike Portnoy e Billy Sheehan anunciaram a banda Sons of Apollo, que promete ser a “grande” banda deles.

Fico na torcida que o The Winery Dogs continue, mas sem previsões para os próximos anos.

About the Author

Rodrigo

Deixe uma resposta